O que é: Existencialismo

O que é Existencialismo

O Existencialismo é uma corrente filosófica que surgiu no século XIX e que se tornou bastante influente no século XX. Esta corrente filosófica coloca o indivíduo no centro de todas as questões, questionando a existência humana e a liberdade de escolha. O Existencialismo busca compreender a vida humana de forma profunda, analisando as questões existenciais e a busca por sentido na vida.

Principais Conceitos do Existencialismo

Um dos principais conceitos do Existencialismo é a ideia de que a existência precede a essência. Isso significa que, ao contrário de outras correntes filosóficas, o Existencialismo defende que o ser humano não possui uma essência pré-definida, mas sim que é livre para construir sua própria essência ao longo da vida. Outro conceito importante é a angústia, que é a sensação de responsabilidade e liberdade diante das escolhas que o ser humano precisa fazer.

Principais Filósofos Existencialistas

O Existencialismo teve diversos filósofos importantes que contribuíram para o desenvolvimento desta corrente filosófica. Entre os principais filósofos Existencialistas estão Jean-Paul Sartre, Simone de Beauvoir, Martin Heidegger, Albert Camus e Friedrich Nietzsche. Cada um destes filósofos trouxe contribuições únicas para o Existencialismo, explorando diferentes aspectos da existência humana e da liberdade de escolha.

Liberdade e Responsabilidade

No Existencialismo, a liberdade e a responsabilidade são conceitos fundamentais. A liberdade é vista como a capacidade do ser humano de fazer escolhas e de construir sua própria essência, enquanto a responsabilidade está relacionada à necessidade de arcar com as consequências destas escolhas. Para os Existencialistas, a liberdade é uma condição essencial da existência humana, mas também traz consigo a responsabilidade de assumir as consequências de nossas ações.

Angústia Existencial

A angústia existencial é um dos temas centrais do Existencialismo. Para os Existencialistas, a angústia surge da consciência da liberdade e da responsabilidade do ser humano diante de suas escolhas. A angústia é a sensação de estar sozinho no mundo, sem um guia ou um propósito preestabelecido, o que pode levar a um profundo questionamento sobre o sentido da vida e da existência.

Autenticidade e Inautenticidade

No Existencialismo, a autenticidade é vista como a capacidade do ser humano de viver de acordo com seus valores e crenças mais profundos, assumindo a responsabilidade por suas escolhas e ações. Por outro lado, a inautenticidade é o oposto da autenticidade, sendo caracterizada pela falta de consciência e pela alienação em relação a si mesmo. Os Existencialistas defendem a importância de buscar a autenticidade na vida, vivendo de acordo com nossos próprios valores e crenças.

Desespero e Absurdo

O desespero e o absurdo são temas frequentes no Existencialismo. O desespero surge da consciência da finitude e da fragilidade da vida humana, levando o ser humano a questionar o sentido da existência e a enfrentar o vazio e a solidão. Já o absurdo é a percepção de que o mundo é irracional e indiferente às nossas necessidades e desejos, o que pode gerar um profundo sentimento de estranheza e incompreensão.

Existência Autêntica e Existência Inautêntica

No Existencialismo, a existência autêntica é aquela em que o ser humano vive de acordo com seus valores e crenças mais prof

Compartilhe:

Mais posts...

A Revolução do Pensamento Moderno: Uma Análise do ‘Discurso sobre o Método’ de René Descartes

Tempo de leitura 9 minutos Aprofundando nas camadas do pensamento cartesiano, este artigo explora o impacto duradouro do ‘Discurso sobre o Método’ de René Descartes. Desde suas provocações sobre a existência de Deus até sua influência na ciência moderna, mergulhamos nas raízes da epistemologia e da racionalidade. Descubra como Descartes redefiniu a busca pela verdade, inspirando gerações de filósofos e cientistas ao longo dos séculos.

Pitagoras

O Legado de Pitágoras: Filosofia, Matemática e Misticismo

Tempo de leitura 10 minutos Explore o legado fascinante de Pitágoras, o lendário filósofo e matemático da Grécia Antiga, cujas contribuições transcendem os séculos. Descubra suas profundas reflexões filosóficas, suas notáveis descobertas matemáticas e seu impacto duradouro no mundo da espiritualidade. Uma jornada pela vida e obra de Pitágoras, convidando-o a mergulhar nas profundezas do conhecimento humano e a contemplar os mistérios do universo.

1984 george orwell

Explorando o Mundo Distópico de “1984” de George Orwell

Tempo de leitura 7 minutos George Orwell, um mestre da ficção distópica, imortalizou-se com sua obra-prima “1984”. Publicado em 1949, este romance visionário continua a ecoar através das décadas, cativando leitores com sua análise sombria e perspicaz da sociedade totalitária.

livro-o-monge-e-o-executivo

Resenha do Livro “O Monge e o Executivo” de James C. Hunter

Tempo de leitura 8 minutos Descubra as profundas lições de liderança e ética contidas em ‘O Monge e o Executivo’ de James C. Hunter. Explore a jornada de autoconhecimento e transformação enquanto mergulha nas páginas deste livro inspirador, desafiando-se a aplicar seus ensinamentos para se tornar um líder mais autêntico e compassivo.